quarta-feira, novembro, 2014

Perfil: Thiago Christo

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas
Loading...Loading...
FavoriteLoadingFavoritar este Post

Thiago Christo

Influenciadores

ThiagoChristo

Criativos e Especialistas, o casamento perfeito no design gráfico.

Por Thiago Christo

Quando pequeno me destacava nas aulas de artes e cheguei a fazer, inclusive, um curso de desenho, pois gostava de brincar de rabiscar com lápis e papel. Acho que é assim que todo criativo começa. Com o tempo, descobri que no mundo digital de hoje as possibilidades de arte digital poderiam ser muito mais amplas e diversas.

No final dos anos 90, iniciei alguns trabalhos de restauração de fotos e, em 2000, ingressei em um curso técnico de Marketing e Design. Logo no início de minha carreira, tive meu primeiro contato com as tecnologias que começavam a despontar na época para a área de criação. Utilizava um Mac e uma caneta Wacom, a Graphire, e daí em diante notei que estas ferramentas seriam fundamentais e indispensáveis para bons resultados no meu trabalho.

Foi ao trabalhar em uma agência de publicidade que comecei a descobrir que minha verdadeira paixão ia além do design, mas era sim o tratamento detalhado de imagens. Um mercado de arte e pintura digital que além de me interessar muito estava em pleno crescimento. O que mais me motivava é que ali eu não tinha mais a pressão de ser criativo. A criação em publicidade é diferente, é mais calcada em conceitos e desenvolvimentos dessas ideias, o que me bloqueava muito. Mas quando o diretor de arte tinha uma ideia, normalmente ele não tinha paciência para executar e eu descobri que poderia ser o especialista que faria esta execução com uma técnica a qual fui aperfeiçoando com o tempo, enquanto ele poderia estar focado em ter as ideias que eu tinha dificuldade em desenvolver. Era o casamento perfeito!

Alguns anos mais tarde cheguei em um momento crucial da minha carreira; decidi então trabalhar em casa como freelancer, o que é muito confortável pois sou dono dos meus horários e posso inclusive optar por quais trabalhos quero ou não realizar. Aos poucos, o reconhecimento tanto da qualidade como das minhas técnicas de execução despertou pedidos de dicas e cursos sobre tratamento de imagem; e ai eu enxerguei uma nova oportunidade.

No início levei para faculdades e agências, técnicas de tratamento de imagem por meio de palestras e cursos presenciais que além de ajudar aqueles diretores de arte a otimizar a execução de suas ideias, abriam as portas para aqueles que, como eu, tinham dificuldade de ter as ideias, mas queriam ser os especialistas quer formariam o par com estes criativos. Foi então que, ao postar algumas gravações nas redes sociais, recebi pedidos para que os cursos pudessem ser online, o que me possibilitou construir uma rede de alunos aos quais, hoje, eu posso atender em tempo real de qualquer parte do mundo.

Minha formação como coach também foi fundamental para me incentivar nestas decisões e compreender o que realmente me realizaria como profissional. Isso também me incentivou a querer ajudar as pessoas a encontrarem sua paixão e se realizarem. Entendi que muitas vezes é preciso quebrar paradigmas, que pintura digital também é arte, que eu não precisava ser um criativo, mas que seria seu melhor aliado. Que meu trabalho é cada dia mais ágil, preciso e detalhado graças à evolução das tecnologias que vieram ao longo deste percurso se desenvolvendo comigo e que, principalmente, não devemos nunca desistir de nossos sonhos, pois o melhor trabalho será sempre aquele que te faz feliz.

 

Conteúdos Anteriores

gemeos

FÁBIO MOON E GABRIEL BÁ

Nascidos em uma geração que vivenciou grandes mudanças e cada momento da…

001_Mike_Deodato_Banner_Wacom_Blog_1935_504px2

Mike Deodato Jr.

Processo criativo dos quadrinhos na Era Digital Por Mike Deodato O roteiro…

001_Getulino_Blog_1935_504px2

Getulino Pacheco Jr.

Liberdade para criar Desde sua infância Getulino sempre gostou de rabiscar e…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Qual é a MINHA WACOM?

Pensando nas dúvidas e dificuldades de encontrar a Wacom ideal para as suas necessidades, criamos uma…

Leia mais >