quarta-feira, dezembro, 2015

As tendências de Design para 2016

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas
Loading...Loading...
FavoriteLoadingFavoritar este Post

Princípios de design são anacrônicos e os últimos cinco anos tem sido ótimos para a vertente gráfica da área. O mercado vê cada vez mais valor na criação e a considera como uma vantagem competitiva em suas campanhas. Uma estratégia coerente de design vai além da aplicação na web ou no impresso, expandindo o desenvolvimento das peças para o mobile e outras plataformas. As melhores tendências de 2015 devem ganhar força no próximo ano, mas algumas ideias inovadoras já despontam no horizonte de 2016. Mais do que nunca, a web se consolida como um ambiente onde o profissional de criação pode brincar com as barreiras do possível, experimentando com novas interfaces e aplicando sua criatividade de novas e excitantes maneiras através do digital.

Abaixo, listamos algumas das tendências que impactarão a forma de produzir e consumir design nos próximos 12 meses.

 

  • Menos Fotos, Mais Ilustrações

Wacom-Cintiq_opener_squareNos últimos anos, a vasta maioria dos sites, blogs e plataformas online mostravam uma grande foto como ponto de partida do usuário no ambiente. A partir da ideia de uma comunicação mais pessoal e conectada com seu interlocutor, as fotos (muitas vezes stocks) darão espaço para ilustrações customizadas e produzidas exclusivamente para aquela finalidade. A ilustração entrega uma conexão mais afetiva e próxima com a audiência.

 

  • Minimalismo com tudo

De mãos dadas com as tendências do design responsivo e design flat, o minimalismo continua em alta em 2016. Com a programação web cada vez mais sofisticada, o minimalismo é muito convidativo para quem está montando uma página online. Com o foco na experiência do usuário e taxas de conversão, cada vez mais veremos dados sendo suportados por um design que privilegia apenas o essencial.

 

  • Cores e Tipografias ousadas

O uso de cores para o branding é uma ferramenta muito importante no marketing, assim como o uso efetivo de uma família tipográfica correta, reforçando valores e transmitindo exatamente a mensagem desejada. Isso parece notícia velha, mas ainda vemos muitas peças presas ao design “seguro”, sem ter seu potencial completamente aproveitado. Deixe sua criatividade fluir na tipografia! Teste cores, brushes diferentes, texturas, tamanhos e formas.

 

  •  Cinemagraph

Os chamados cinemagraphs não são exatamente algo novo no mundo do design, há algum tempo é possível vê-los pela internet, principalmente em sites como tumblr e threads scinemaamanda3obre cinema e arte. Mas a partir de 2015, a modalidade de “live photos”, imagens que capturam alguns movimentos quando registradas, ganhou destaque em novas funções, sendo ferramenta de comunicação – apelando para o atrativo visual no imaginário dos consumidores. Para os webdesigners, o HTML5 facilitou muito o processo de incorporação dos cinemagraphs, uma vez que os efeitos podem ser renderizados em tempo real, sem perdas em cores e qualidade – como no upload de um gif tradicional, por exemplo. Atualmente, existem sites especializados nesse formato, como o flixel.com, que oferecem uma plataforma de produção dos gráficos, ou o http://cinemagraphs.com/, que oferece arquivos prontos e de alta qualidade.

 

  • Storytelling

O nome desse item poderia ser “criando personalidades”. Com o Storytelling (o ato de contar histórias para comunicar) muito em voga, o design que entender o princípio da estratégia com certeza ganhará destaque. Com força total em 2016, as histórias engajadoras e emotivas que utilizarem gráficos e formatos inteligentes e bem produzidos irão se diferenciar de peças tradicionais e ultrapassadas.

 

E você? Qual tendência você acha que irá dominar o design em 2016? Deixe seu comentário abaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Qual é a MINHA WACOM?

Pensando nas dúvidas e dificuldades de encontrar a Wacom ideal para as suas necessidades, criamos uma…

Leia mais >