quarta-feira, setembro, 2014

Perfil: André Rodrigues

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas
Loading...Loading...
FavoriteLoadingFavoritar este Post

André Rodrigues

Influenciadores

AndréRodriguesTecnologia na evolução da arte

Foi aos 7 anos que André Rodrigues, tatuador e proprietário do estúdio Don Rodrigues, viu uma tatuagem pela primeira vez e logo se encantou. Porém, somente aos 17 começou a estudar para entender as técnicas por trás dessa arte e aos 25 que se tornou tatuador. O percurso não foi fácil. Ao longo dessa trajetória André estudou muito e passou por diversas experiências profissionais, que contribuíram para que, hoje, ele consiga unir arte e tecnologia de ponta em seu dia a dia.

Sempre apaixonado por desenho, sua carreira começou como ajudante de editoração gráfica em uma pequena editora em Santo André e, aos 18 anos, foi convidado para dar aulas de desenho. A partir daí, André começou a entrar em contato com outros profissionais do ramo e passou a frequentar museus e bibliotecas em busca de conhecimento e capacitação para se profissionalizar.

André conta que foi aos 25 anos que passou a gostar do resultado de seu próprio trabalho e a realmente entender o que é a arte de desenhar. Para ele, os materiais sempre foram fundamentais e, desde que passou a desenhar profissionalmente, começou a pesquisar boas ferramentas – bons papeis, boas canetas, boas tecnologias.

Em 2007, quando trabalhava como tatuador na Itália, André comprou sua primeira mesa digitalizadora, uma Wacom. “Era uma Intuos III, lembro até hoje. Quando comecei a usar, ela se tornou minha grande paixão”, diz o artista. De acordo com André, a experiência prévia com programas de edição gráfica o ajudaram, pois logo passou a ver possibilidades em suas tatuagens que antes ele não tinha. “Hoje em dia, utilizando uma Wacom, eu consigo alcançar até melhores resultados do que teria no papel, já que tenho mais opções para trabalhar o tamanho, a forma ou as cores dos desenhos. O material hoje é fundamental para a minha profissão de tatuador”, conta.

Segundo André, a experiência com as mesas digitalizadoras e displays interativos ajuda, inclusive, na execução de seus trabalhos paralelos. Ele realiza a ilustração de estampas para algumas marcas de camisetas e conta que antes levava em torno de uma semana para fazer o desenho e finalizá-lo – atualmente, com uma Wacom, André consegue finalizar o trabalho em quatro horas e enviar para a aprovação dos clientes. Além disso, André dá aulas de desenho para tatuadores no Lado B Estúdio, e conta que é a favor de que o artista aprenda todo tipo de técnica, entre elas aquelas que envolvem tecnologias, como a das mesas digitalizadoras. “Gosto de mostrar variedade aos alunos e muitos se encantam com as possibilidades e facilidades de utilizar uma Wacom”, afirma Rodrigues.

Há quase 20 atuando no ramo de desenho e mais de 12 anos atuando no ramo de tatuagem, atualmente André comanda o estúdio Don Rodrigues e dá aulas no Lado B Estúdio, em São Paulo. Neste link, ele conta como utiliza a tecnologia da Wacom para otimizar seu trabalho!

Conteúdos Anteriores

gemeos

FÁBIO MOON E GABRIEL BÁ

Nascidos em uma geração que vivenciou grandes mudanças e cada momento da…

001_Mike_Deodato_Banner_Wacom_Blog_1935_504px2

Mike Deodato Jr.

Processo criativo dos quadrinhos na Era Digital Por Mike Deodato O roteiro…

001_Getulino_Blog_1935_504px2

Getulino Pacheco Jr.

Liberdade para criar Desde sua infância Getulino sempre gostou de rabiscar e…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Qual é a MINHA WACOM?

Pensando nas dúvidas e dificuldades de encontrar a Wacom ideal para as suas necessidades, criamos uma…

Leia mais >